ESCRITORES

ESCRITORES

As 100 Melhores Histórias Eróticas da Literatura Universal




O erotismo já foi definido como a força de atração entre os seres, força de vida aspirando ao bem absoluto e motivando a pedagogia, as artes e a filosofia. E como sendo a razão da elevação da alma em direção ao belo, a transposição do impulso sexual em princípio de ordem e unidade. Nas palavras da escritora Anaïs Nin, "o erotismo é uma das bases do autoconhecimento, tão indispensável quanto a poesia." Erótico é o discurso que seduz, como o canto das musas, é o conceito do amor como o que se manifesta numa obra, num grupo de textos. A arte erótica convida homens e mulheres a participar integralmente da festa da vida. Neste livro, Flávio Moreira da Costa reúne os melhores discursos sedutores de todos os tempos, de Flaubert a Sade e Masoch, de Machado de Assis a Hilda Hilst, de Shakespeare a D.H.Lawrence, entre outros.
Postar um comentário