ESCRITORES

ESCRITORES

Ferreira Gullar: Traduzir-se - Por Adriana Calcanhoto




Uma parte de mim é todo mundo
Outra parte é ninguém
Fundo sem fundo
Uma parte de mim é multidão
Outra parte estranheza e solidão
Uma parte de mim pesa e pondera
Outra parte, delira
Uma parte de mim almoça e janta
Outra parte se espanta
Uma parte de mim é permanente
Outra parte se sabe de repente
Uma parte de mim é só vertigem
Outra parte, linguagem
Traduzir uma parte na outra parte
Que é uma questão de vida ou morte
Será arte?
Será arte?
Será arte?

Para saber mais sobre a vida e obra do poeta Ferreira Gullar, acesse:
[www.elfikurten.com.br/ferreira-gullar-entre-o-lirico-e-o.html]

Postar um comentário