ESCRITORES

ESCRITORES

[Laranja Mecânica] - Premonição de Um Futuro Violento?


Narrada pelo protagonista, o adolescente Alex, esta brilhante e perturbadora história cria uma sociedade futurista em que a violência atinge proporções gigantescas e provoca uma resposta igualmente agressiva de um governo totalitário. A estranha linguagem utilizada por Alex - soberbamente engendrada pelo autor - empresta uma dimensão quase lírica ao texto. Ao lado de "1984", de George Orwell, e "Admirável Mundo Novo", de Aldous Huxley, "Laranja Mecânica" é um dos ícones literários da alienação pós-industrial que caracterizou o século XX. Adaptado com maestria para o cinema em 1972 por Stanley Kubrick, é uma obra marcante: depois da sua leitura, você jamais será o mesmo.
Leia trecho do livro: [www.editoraaleph.com.br.pdf]


Stanley Kubrik, nascido em 1928 nos Estados Unidos e falecido em Março de 1998, um dos mais polêmicos diretores de cinema, tornou a sua versão filmada a partir do livro de Anthony Burgess um clássico. Hoje em dia, o nome "A Clockwork Orange" é imediatamente associado ao filme, e não ao livro em que se baseou a obra. Em sua filmografia constam: Lolita (1962), 2001: Uma Odisséia no Espaço (1968), O Iluminado (1980), Nascido Para Matar (1987), De Olhos Bem Fechados (1999- lançado após a sua morte) entre outros.
Na sua versão de "A Clockwork Orange", Kubrik se concentra na importância da linguagem muito menos que Anthony Burgess, e se direciona ao impacto da imagem e da violência como temas centrais. Leia mais...
Leia resenha crítica: [www.cranik.com/laranjamecanica.html]

Assista ao filme completo:


SAIBA MAIS EM: [REVISTA CULT - A VOLTA DE KUBRICK]
Postar um comentário