ESCRITORES

ESCRITORES

Friedrich Nietzsche - Humano, demasiado Humano


A semente do pensamento de Nietzsche no século-XIX prenunciava no século-XX os conceitos do Existencialismo e da Psicanálise. Este documentário da BBC conta com entrevistas de grandes estudiosos do pensamento nietzscheano: Ronald Hayman e Leslie Chamberlain [biógrafos], Andrea Bollinger [arquivista], Reg Hollingdale [tradutor], Will Self [escritor] e Keith Ansell Pearson [filósofa] que sonda a vida e os escritos de Nietzsche.
Além de mostrar o papel da irmã de Nietzsche na edição de suas obras para uso como propaganda nazista, temos também, partes de prosas aforísticas extraídas de obras como "A parábola de um louco" e "Assim falou Zaratustra", transmitindo a essência e o estilo do profético pensador alemão.
[Humano, demasiado humano, um livro para espíritos livres, foi a primeira obra de Friedrich Nietzsche após o rompimento com o romantismo de Richard Wagner e o pessimismo de Arthur Schopenhauer.
Nessa obra o autor mergulha na Filosofia e na Epistemologia implodindo as realidades eternas e as verdades absolutas e nos alerta para a inocuidade da metafísica no futuro. Busca registrar o conceito de espírito livre, isto é, aquele que pensa de forma diferente do que se espera dele: o homem do futuro.
Nietzsche sacode a humanidade nesse livro-resumo da história da Filosofia e do nascimento da Ciência, que não cumpriram seus papéis de criarem espíritos verdadeiramente livres, e que o homem precisa descobrir-se como Humano, Demasiado Humano - Wikipédia]



Postar um comentário