ESCRITORES

ESCRITORES

Expressividade cultural afro-brasileira na dança do Maculelê

Balé Folclórico da Bahia - dança Maculelê na Universidade de Paris

Mais do que uma simples verdade, o que buscamos é a manutenção da cultura de um povo. Neste documentário tentamos reunir, além de estudiosos santamarenses, pessoas verdadeiramente preocupadas em passar à frente o que lhes foi dado por seus antigos.
A ideia jamais foi levantar a verdade, e sim alertar as pessoas. E para isso ninguém melhor que a professora HILDEGARDES VIANNA, e o seu chamado: ''QUE FALE SANTO AMARO'', em sua coluna do JORNAL DA TARDE da década de 60. Eis, então, o primeiro passo.
Roteiro e direção LUCAS JASPER edição MAURÍCIO FARIAS produção executiva THELMA CHASE assistente de direção CAROLE CAVALCANTE assistente de produção TITO CHASE coordenação de pesquisa em Santo Amaro MARIA MUTTI colaboração FÁTIMA GAUDENZI coordenação da Casa da Coleção Emília Biancardi TAINÁ GARCIA direção geral EMÍLIA BIANCARDI (fundadora do grupo folclórico Viva Bahia, Emília Biancardi é folclorista, etnomusicóloga, professora, compositora, escritora, colecionadora e pesquisadora da música folclórica brasileira, é especialista nas manifestações tradicionais da Bahia).

"QUE FALE SANTO AMARO". Em busca da verdade sobre a dança do Maculelê. from ZERO.HUM Audiovisual on Vimeo.

Para saber mais sobre a origem e história da dança Maculelê, acesse:
[capoeiraexports.blogspot.com.br/2011/01/maculele-origem-e-historia.html]

Para saber mais sobre a vida e obra de Emília Biancardi, acesse:
[https://pt-br.facebook.com/emiliabiancardi]
Postar um comentário