ESCRITORES

ESCRITORES

Dércio Marques, Edigar Mão-Branca e Cao Alves interpretam "Tirana" de Elomar Figueira Mello

Tirana - Música do disco Na Quadrada das Águas Perdidas - Gravado nos estúdios do Seminário Livre de Música da Universidade Federal da Bahia, em dezembro de 1978, com participação e muito empenho dos malungos: Dércio Marques, Carlos Pita, Fábio Paes, Xangai, Elena Rodrigues Neuma, Cal, Limonge e o saudoso Alevando Luz. Com algumas penadas do também saudoso Ernest Widmer. O ensaio de apresentação do texto é de outro malungo que já se também foi: Ernani Maurilio Figuerêdo.




Inriba daquela serra passa u'a istrada rial
entre todos qui ali passa uns passa bem ôtros mal
apois lá mora um ferrêro ferradô de animal
qui sentado o dia intêro no portêro do quintal
conta istoras de guerrêros
de cavalêros ligêros
do Rêno de Portugal
anda mula ruana
qui a vida tirana
foi dexada pur Deus
dêrna de Adão
pra quem pissui os têre
aqui na terra
pra quem nada pissui
te pru ladrãoi
das coisa de minha ceguêra aquela que eu mais quiria
formá u'a tropa intêra e arribá no mundo um dia
cabeçada de u'a arrôba vinte campa de arrilia
cruzêta riata nova rabichola e peitural
e arriçá fazeno ruaça
a tropa na bôca da praça
do Rêno de Portugal
destá mula ruana
na vida tirana
ela 'le fela e mais dura
qui a lei
nois inda vai xabrá
pinga de cana
jabá e rapadura
mais o rei
cuano saí lá de casa dxei os campo in fulô
a lua já deu treis volta só a buneca num voltô
mais prá quê tanta labuta corre corre e confusão
quanto mais junta mais dana é tribusana é só busão
oras qui na vida in onça
o pobre cristão só discansa
dibaxo d'um tampo de chào
para mula ruana
dexa de gana
qui a vinda do tropêro
é só u'a veis
assunta mêrmo a vida
assim tirana
é pura buniteza
foi Deu quem fez.
Postar um comentário